27 out

Como o Big Data gera valor ao atendimento

O segredo de um bom atendimento sempre foi a relação que a empresa tem com seu consumidor, mas como melhorar esse relacionamento?

Entender o comportamento do seu consumidor é parte vital para seu processo de vendas, conhecer as suas necessidades e como funciona a sua tomada de decisão facilitam o fechamento da compra. Hoje temos acesso a diversos dados do ambiente digital que revelam a conduta do seu público-alvo, mas o armazenamento dos mesmo, muita vezes, acaba por não ter uma forma estruturada.

Com a velocidade da informação, a empresa deve dispor da mesma rapidez para acompanhar seu consumidor e gerar valor para o atendimento ao cliente.

A análise de dados extraídos do Big Data auxilia o acúmulo de informações  de atendimento, cruciais para sua venda, em um único portal.  Para melhorar a experiência do cliente os dados são combinados para gerar informações novas e úteis.

A organização dos seus conhecimentos sobre o cliente não gera a venda, mas sim  transformá-los em estratégias, algo que sem o Big Data poderia ser uma tarefa árdua.  O Big Data, como já conversamos anteriormente aqui no blog(link), é um conjunto  grande de dados armazenados, sendo a origem das informações vasta, e muitas vezes não estruturadas. Sendo assim, é necessário descobrir um padrão, ou mesmo uma hierarquia de comparação entre os dados para que se tornem utilizáveis.

Mesmo que pareça difícil, e envolva toda a sua empresa, desde o dono do negócio até seus colaboradores, o resultado do Big Data pode trazer mudanças e melhorias ao seu atendimento, mas fica claro que não são todas as organizações que conseguem utilizar um Big Data, por problemas técnicos, entendimento das equipes, etc.

Usar o Big Data trará uma vantagem competitiva para sua empresa, a análise dos dados coletados antecipará os hábitos dos consumidores e futuros clientes, otimizando a experiência do seu público.

Mas como trabalhar com o Big Data? Tudo está baseado no tipo de indústria, dos dados coletados, das resoluções possíveis, e o seu objetivo. Geralmente nas estratégias de marketing é possível combinar o conhecimento que você tem do seu cliente com outros fatores  amplos que afetam seu negócio, como clima, sua mídia social etc, e obter uma imagem concreta do seu público-alvo.  Isto fará com que conquiste novos clientes com estratégias diferentes, a partir dos padrões registrados.

Considere o montante de dados como o preenchimento das lacunas na sua definição de público-alvo. Disto em diante terá a possibilidade de provar a sua nova visão do seu cliente e melhorar sua maneira de atendê-lo.

O Big Data não se trata apenas de informações, ou novas descobertas, mas da possibilidade de encontrar novos cenários para trabalhar seu atendimento.